terça-feira, 23 de junho de 2009

Quarentas

Num passeio ecológico, por uma trilha numa área de mata razoavelmente recuperada, o guia se esmerava em indicar, aqui um pinheiro, ali uma bracatinga, as briosas epífitas, os musgos e líquens.

Até que uma das mulheres do grupo indica uma árvore e comenta, "nossa, como tá ressecada, quase caindo".
Ao que o guia, na sua inocência de mateiro, atravessa: "ah, mas essa já tem uns quarenta anos..."

Prontamente, os comentários femininos: "nossa, será que vou ficar assim caídassa aos quarenta???", e a outra, fazendo pose: "mas eu já tenho mais de quarenta e tô bem, não tô?"...

E o mateiro: "ah, mas a senhora foi bem adubada!!!".
.

Um comentário:

  1. O mateiro é inocente, mas sabe das coisas! Abraço, Nando!

    ResponderExcluir

Obrigado por comentar. Nem sempre responderei a seus comentários, o que não quer dizer que não os li. Se estão publicados, é porque os vi. Como não pretendo definir este blog como "com conteúdo adulto", a única censura, se houver, será para evitar excessos, em respeito às crianças -- de qualquer idade -- que eventualmente também lêem este blog.